Trajetória

A trajetória consiste no conjunto de posições ocupadas por um corpo no decorrer do tempo, dependendo do referencial adotado pelo observador.

Imagine a seguinte situação: um avião a 100m de altura deixa cair uma bola maciça, a qual terá a sua trajetória observada por 2 observadores, um dentro do avião e outro na superfície da Terra.

Observador 1 – No interior do avião:

Este observador verá o objeto caindo do avião como uma trajetória em linha reta.

Para o observador dentro da aeronave o movimento possui velocidade apenas na vertical, sendo então o deslocamento apenas na eixo vertical.

 

Observador 2 – Na superfície da Terra:

Para este observador o objeto terá uma trajetória de forma curvilínea.

Para o observador no solo há velocidade e movimento em duas dimensões, vertical e horizontal. 

Podemos concluir que para determinar a trajetória de um ponto material é necessário antes de tudo saber o referencial a partir do qual o fenômeno será observado, ou seja, é um conceito relativo.

Observações importantes:

1 – Consideramos uma bola maciça para que fosse menor a influência do ar em seu deslocamento. Aliás, aqui desconsideramos a influência do ar, imaginando uma condição ideal na qual ocorre o fenômeno;

2 – Se um corpo estiver em repouso, a sua trajetória será resumida a um único ponto.

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *